O homem e a mancha

O homem e a mancha

sexta-feira, 18 de novembro de 2011

UMA SOMBRA NA ESCURIDÃO- leitura dramática

O Teatro de Arena de Porto Alegre mantém o projeto Dramaturgia em debate, em que dramaturgos gaúchos são convidados para apresentarem um de seus textos através de leitura dramática. Já estiveram no Arena Júlio Zanotta, Artur Pinto, Patsy Cecato (estou esquecendo de alguém, provavelmente) e agora é a minha vez.
Na próxima terça-feira, 22 de novembro, às 20 horas no Teatro de Arena, vamos realizar a leitura dramática de um de meus textos, UMA SOMBRA NA ESCURIDÃO, com ENTRADA FRANCA. A peça é uma paródia-homenagem ao gênero policial noir, ambientada na Nova York da década de 1950, e que foi celebrizado pelo cinema norte-americano das décadas de 40 e 50 do século XX. Filmes como O destino bate à sua porta, Pacto de sangue, Crepúsculo dos deuses e Chinatown compõem a inspiração da minha peça.
Participarão da leitura os atores Margarida Leoni Peixoto, Gustavo Susin, Marcos Chaves, Larissa Sanguiné, Luísa Herter, Carlos Paixão, Rossendo Rodrigues, Diogo Zanella e Marcelo Adams.
O Teatro de Arena fica na Av. Borges de Medeiros, 835- Centro de Porto Alegre.

2 comentários: