O homem e a mancha

O homem e a mancha

sexta-feira, 30 de setembro de 2011

A ÚLTIMA ESTRADA DA PRAIA continua em cartaz nos cinemas


O longa metragem gaúcho A ÚLTIMA ESTRADA DA PRAIA, dirigido por Fabiano de Souza, continua em cartaz nos cinemas de Porto Alegre. Além do Santander Cultural, o filme estreia agora na Sala Eduardo Hirtz da Casa de Cultura Mario Quintana, com sessões diárias às 19h. No elenco, Marcelo Adams, Rafael Sieg, Marcos Contreras e Miriã Possani.

sábado, 24 de setembro de 2011

Academia Brasileira de Letras: o que é isso?

A cada nova eleição para substituição de um membro da Academia Brasileira de Letras morto, repete-se a história conhecida. Indivíduos com medíocre ou inexpressiva produção literária são eleitos, com a benção dos próprios imortais. Desta vez, o eleito para a cadeira de Moacyr Scliar, falecido no início deste ano, foi Merval Pereira. Sabem quem é? Eu sei, porque assisto o Jornal da Globo e várias vezes o vi falando sobre economia e política. É um jornalista de inegável qualidade, mas não tenho nenhuma dúvida de que não merecia estar lá. Sim, não merecia, porque em um país onde há um Rubem Fonseca, um Ziraldo, um Ignácio de Loyola Brandão, um Zuenir Ventura, um Luís Fernando Veríssimo, é inexplicável que se eleja alguém como Merval, em vez destes grandes escritores.
A ABL já conta em seus quadros como figuras inacreditáveis e risíveis como Marco Maciel e José Sarney, além do polêmico Paulo Coelho. Mário Quintana e Erico Veríssimo, para ficar apenas em grandes nomes gaúchos, não pertenceram à academia. Agora, começo a temer que vejamos, daqui a alguns anos, tomando chá nas acadêmicas tardes cariocas, Marta Medeiros e Roberto Shinyashiki. Será?

sexta-feira, 23 de setembro de 2011

A LIÇÃO: uma apresentação inesquecível

No último dia 20 de setembro, apresentamos nosso espetáculo A LIÇÃO no Teatro de Arena. Embora na grade de programação do 18º Porto Alegre em Cena, o espetáculo participou da mostra da Descentralização, com entrada franca. Superlotamos o Arena (que em nossa configuração, previa 95 lugares), 116 espectadores assistiram. E outros 40 foram embora, sem conseguir entrar. Bem, após a apresentação, recebemos tantas e tão belas demonstrações de apreço pela peça, que decidi reproduzir aqui apenas uma delas, recebida do ator, diretor e dramaturgo Cláudio Benevenga (para não falar que o Benevenga é também figurinista e cenógrafo premiado). Aí vai:

"Geralmente não costumo escrever sobre o trabalho dos meus colegas, principalmente em redes sociais, onde as palavras podem tomar múltiplas interpretações, dependendo da forma como são compreendidas.
Mas, depois de assistir “A Lição” de Eugène Ionesco, da Cia de Teatro Ao Quadrado, não tive como me isentar de postar um pequeno comentário sobre este trabalho.
Dentre todas as peças que tive a oportunidade de assistir no 18º POA em Cena, esta com certeza foi a que mais me impactou em todos os sentidos. Interpretações perfeitas e no ponto exato de Marcelo Adams e Luísa Herter e uma direção surpreendente e de tirar o fôlego de Margarida Leoni Peixoto.
Longe do bairrismo, da pretensão de querer achar que somos os melhores, mas gostaria de aproveitar estas linhas para pedir a curadoria do festival que tenha um olhar mais atencioso ao teatro que é produzido no RS e que também tenha maior cuidado na seleção das obras nacionais e internacionais que fazem parte da programação, deste que é sem dúvida, o mais importante festival de teatro do nosso país.
Obrigado Marcelo Adams, Luísa Herter, Margarida Leoni Peixoto, Zoé Degani, Rô Cortinhas, Fernando Ochôa e todos os envolvidos neste projeto por terem me emocionado tanto com este belíssimo e intenso espetáculo!
Saí do teatro hoje orgulhoso de ser um artista made in RS."
Obrigado pelas lindas palavras. Em nós, da Cia. de Teatro ao Quadrado, elas ressoaram como recompensa pelo trabalho de pesquisa que resultou no espetáculo. Sabe-se, desde sempre, que uma obra de arte é construída tanto por quem está no palco como por quem está na plateia. Nesse sentido, ficamos felizes que existam espectadores como o Benevenga, que não se limitam a cartilhas teatrais ultrapassadas, e que se deixam contaminar pelo que o teatro tem de mais específico: a capacidade de se reinventar, de surpreender, de proporcionar associações inusitadas e insuspeitadas.

domingo, 18 de setembro de 2011

A LIÇÃO no 18º Porto Alegre em Cena

 Nesta terça-feira, 20 de setembro, feriado, acontecerá no Teatro de Arena (Av. Borges de Medeiros, 835) a apresentação do espetáculo A LIÇÃO, dentro da programação do 18º Porto Alegre em Cena.
A LIÇÃO é um dos textos mais conhecidos do Teatro do Absurdo, escrita pelo dramaturgo romeno Eugène Ionesco em 1950. A Cia. de Teatro ao Quadrado volta a cartaz apenas neste dia 20, às 18 horas, com ENTRADA FRANCA.
Se você ainda não assistiu, não perca a oportunidade de conferir uma das peças mais bem comentadas de 2010. Leia o que foi dito sobre A LIÇÃO:
 "Impressionante o clima de humor e tensão que vai se estabelecendo no decorrer do espetáculo, nos levando da diversão à tragédia, mexendo com nossas emoções" (ANTÔNIO CARLOS FALCÃO, ator)

"A LIÇÃO é um espetáculo necessário. Peça contemporânea de alto nível, impactante, com ótimas atuações e uma direção impecável. Mexe com as nossas gavetas de emoções: desarruma, mas não deixa nada atirado no chão" (ARTUR JOSÉ PINTO, ator e dramaturgo)

"A LIÇÃO nos dá uma verdadeira aula de atuação. É um espetáculo que precisa ser visto para que tenhamos a noção da palavra "ensaio". Marcelo e Luísa estão inteiros e intensos em cena. Muita emoção e técnica, uma dupla perfeita sob a batuta da diretora Margarida Leoni Peixoto" (NADYA MENDES, atriz)

"Margarida, ao centrar sua direção no caráter brutal do texto, fez uma escolha perigosa mas justificável. O final da peça, com a aluna presa àquela cadeira (de ginecologista?) ultrapassa a brutalidade e atinge o nível do horror absoluto. E o sangue a gotejar na bacia remete de imediato à mais espantosa escatologia do horror. Marcelo nos dá uma aula de interpretação em que a voz  tem um papel fundamental. Parabéns por essa voz que, há anos não se ouvia tão bem empregada em cena." (IVO BENDER, dramaturgo)

"Numa interessante experiência conceitual, A LIÇÃO da Cia. de Teatro ao Quadrado passa a ser tão de Hitchcock quanto de Ionesco, e algumas outras possibilidades de leitura dessa obra prima ficam ao dispor do público inteligente. As atuações de Marcelo Adams e Luisa Herter estão primorosas" (CAMILO DE LÉLIS, encenador)

"Um texto clássico do Teatro do Absurdo, encenado de forma vigorosa, contundente e corajosa, com desempenhos de tirar o fôlego...extraordinariamente assustadora, levando às últimas consequências a dramaturgia de Ionesco... um luxo..." (CIDA MOREIRA, cantora)

sexta-feira, 16 de setembro de 2011

A última estrada da praia estreia hoje nos cinemas!

Finalmente chega aos cinemas de Porto Alegre o longa dirigido por Fabiano de Souza. As sessões acontecem a partir desta sexta-feira nos seguintes cinemas e horários:

UNIBANCO ARTEPLEX - 14h e 20h
INSTITUTO NT - 21h
SANTANDER CULTURAL - 15h, 17h e 19h

É um fato a ser comemorado a estreia de um filme gaúcho em três salas.
A última estrada da praia é cinema feito aqui, por gente daqui, com qualidade, profissionalismo e ambição artística.
Programa obrigatório para quem faz arte em Porto Alegre!


quarta-feira, 14 de setembro de 2011

A última estrada da praia- TRAILER


Trailer do filme A Última Estrada da Praia, uma produção Rainer e Okna, dirigida por Fabiano de Souza.

ESTREIA EM PORTO ALEGRE DIA 16 DE SETEMBRO DE 2011
A Última Estrada da Praia
duração: 93min.

Leo, Norberto e Paula são muito mais que amigos. No início de uma viagem para o litoral, conhecem um estranho que não fala. Os quatro partem num périplo em que o sabor do percurso é vivenciado sem pressa. Enquanto o amigo silencioso se defronta com seus temores, Leo, Norberto e Paula mergulham nas fronteiras de um relacionamento triangular. Nas areias intermináveis das praias gaúchas, eles descobrem que é impossível ser alegre o tempo inteiro. Inspirado em O Louco do Cati de Dyonelio Machado.

com: Rafael Sieg, Marcos Contreras, Miriã Possani e Marcelo Adams.
direção: Fabiano de Souza
roteiro: Fabiano de Souza e Vicente moreno
inspirado no livro O Louco do Cati, de Dyonelio Machado
produção executiva: Aleteia Selonk
direção de fotografia: André Luís da Cunha
direção de arte: Adriana Borba
som direto: Gabriela Bervian
montagem: Milton do Prado
música: Arthur de Faria
desenho de som: Tiago Bello e Alesandre Kumpinski

Classificação indicativa: 16 anos.

segunda-feira, 12 de setembro de 2011

Com fôlego na estrada


Uma praia é uma praia é uma praia...

domingo, 11 de setembro de 2011

A última estrada da praia: alegria de viver o momento

Estreia dia 16 de setembro, nos cinemas Santander Cultural, Unibanco Arteplex e Instituto NT.

sexta-feira, 9 de setembro de 2011

A última estrada da praia estreia nos cinemas!

A última estrada da praia- clip de Arthur de Faria e seu conjunto


Videoclip da música A última estrada da praia, com Arthur de Faria e seu conjunto, com participação especial minha. Gravamos no verão de 2011, voltando às mesmas locações do filme.

segunda-feira, 5 de setembro de 2011

quinta-feira, 1 de setembro de 2011