O homem e a mancha

O homem e a mancha

sexta-feira, 29 de abril de 2011

Cinco maneiras de fechar os olhos: segunda diária



Hoje filmei mais algumas cenas do longa Cinco maneiras de fechar os olhos, produção do curso de Produção Audiovisual da PUCRS. As tomadas de hoje foram feitas no Cine-Theatro Ipiranga, que no filme representa a boate onde o personagem do ator Carlos Paixão (juiz de Direito de dia e transformista à noite) se apresenta, dublando cantoras. O visual do lugar é uma homenagem ao filme Cidade dos sonhos, do David Lynch (lembram a cena passada no Clube Silencio?). Tá ficando bonito!

Um comentário:

  1. Marcelo Adams, grande presença em nosso filme! Que em outras aventuras interpretativas possamos nos encontrar. Foi um prazer!

    ResponderExcluir